30 de junho de 2011

Resolução Questão 4 - Exame 2011 fase1

Esta questão não tem comentário de tão simples que é, nem é necessário encontrar a direcção de afinidade
Clique nas imagens para visualizar ou Importe o FDF AQUI

 

18 comentários:

Anónimo disse...

Boa tarde, devido secalhar aos nervos em vez de fazer uma pirâmide quadrangular oblíqua fiz uma pirâmide triangular oblíqua. Está tudo igual, á excepção desse ponto!! tem ideia se vou ser muito descontado neste exercício?? Desde já muito obrigado

João Paulo Araújo disse...

Olá anónimo,

Ainda não estão disponíveis os critérios de classificação, mas julgo que poderá perder cerca de entre 0,5 e 1 valor se os critérios forem semelhantes aos de anos anteriores.

Helder disse...

Muito obrigado pelo esclarecimento. Fiquei mesmo estupefacto ao ver que me enganei numa matéria em que estou tão a vontade. Já agora, no segundo exercício também fiz de uma outra maneira que foi rebater a recta p inserida num plano de perfil auxiliar e levar para esse plano tambem os traços da recta a em que também os rebati, rebatendo assim a recta a. Resolvi em casa em que me deu entre 71 e 73 graus. poderá estar correcto??

João Paulo Araújo disse...

Olá Helder,

Parece que o Helder está mais a trabalhar com a 3.ª projecção já que os traços da recta "a" não estão situados no mesmo plano de perfil que a recta "b".
Trabalhar com a 3.ª projecção neste caso dá um grande trabalho e temos que ter uma perfeita noção do espaço e das relações entre as 3 projecções.
Não poderei responder se está ou não correcto sem observar a sua proposta de resolução, mesmo que o ângulo seja muito semelhante (a mim deu-me 72º)

Helder disse...

pois, a mim por este método e ja verifiquei mais uma vez tambem me dá 72!!! é que este exercício podia mesmo ser a minha salvação....:S
mas desde já muito obrigado pelo esclarecimento

Maria Bird disse...

Helder, resolvi o exercício 2 do mesmo modo, espero que esteja certo.

Nesta axonometria é que me enganei...Pensei que a projecção do cilindro intersectasse a pirâmide. Assim sendo, o meu traçado no topo da pirâmide está todo mal :( Acha que desconta muito?
Obrigada

João Paulo Araújo disse...

Se entenderem útil mandem uma imagem da vossa resolução para poder entender o vosso processo de resolução.

Helder disse...

mesmo, mas eu penso que se temos o angulo a dar 72 neste método é porque estará correcto. Boa sorte pra nós os dois e mais alguem que se tenha lmebrado de fazer assim!! :D

Helder disse...

ok, assim que possa enviarei o exercício! E mais uma vez, obrigado

MorbidDICK69 disse...

Este exercício era extremamente simples.Foi o primeiro que fiz no teste ha ha Há que garantir os pontos mais fáceis.

O 3º achei complicado e inventei imenso - 0

O 1º fiz bem

O 2º talvez

Apenas se esqueceu no exercício 4 de desenhar os tracejados.

Maria Bird disse...

MorbidDICK69, não pedia tracejado, pedia apenas para evidenciar as partes visíveis...

Aluno disse...

bom dia, neste exercio como determinou o lado do quadrado paralelo ao eixo Y?
Eu determinei mas fiz um duplo rebatimento do eixo Y e desenhei o quadrado em vg e depois contra rebati.

João Paulo Araújo disse...

Coloquei recentemente um novo desenho em PDF que poderá servir para cada um avaliar e ter uma ideia da cotação que poderá obter nesta questão.

Estes PDFs são feitos em camadas (layers) que podem ser ocultadas de forma a entender a sequência dos passos e a respectiva cotação.

Dani disse...

Ola, gostaria que me esclarecesse:
como sei se uso o metodo das alturas ou direçao de afinidade obrgada, urgente:D

João Paulo Araújo disse...

Olá Dani,

A direção de afinidade só é necessária quando necessita de construir uma figura plana que não está em verdadeira grandeza.

Suponha que lhe pedem um quadrado em Cavaleira situado no plano xy e cujos lados não são paralelos aos eixos. Neste caso é necessário colocar este plano em VG para poder construir o quadrado. Deve pois colocar o eixo y perpendicularmente a x e determinar a direção de afinidade para poder, depois, determinar as projeções axonométricas dos seus vértices.

Cumprimentos.

Dani disse...

Obrigada, entao quer dizer que quando diz que os lados sao paralelos usa-se o metodo das alturas:)
Obrigada a serio.

João Paulo Araújo disse...

Sim, neste exemplo de exame a direção de afinidade não é necessária. Basta aplicar a escala de redução aos afastamentos dos lados paralelos a X, obtendo a dimensão correta dos lados paralelos a Y

De qualquer forma também se pode optar pela direção de afinidade e obter um resultado igualmente correto.

Bom estudo, obrigado por participar.

Dani disse...

Obrigada eu:)